Fotorial: Olho preto

Oi meninas.

Hoje tem um fotorial para vocês. Adoro fazer um olho preto e resolvi ensinar como eu faço.

Vamos ao passo a passo:

A pele ja estava devidamente preparada com: Base Avon bege médio, Corretivo Avon natural e Pó Compacto Avon bege médio.

image
1. Usei o marrom da minha paleta de 144 cores, com um pincel para côncavo
2. Apliquei a sombra no côncavo e no canto externo da pálpebra, formando um V
3. Depois usei um pincel mais fofinho para esfumar e tirar a marcação

20140511-134614.jpg
1. Com um pincel pequeno, peguei uma sombra iluminadora da mesma paleta
2. Passei essa cor abaixo da sobrancelha e no canto interno dos olhos

image
1. Usei a sombra preta com um pincel de pálpebra
2. Apliquei dando batidinhas por toda a pálpebra
3. Usei uma sombra cinza com o pincel lápis
4. Apliquei a cor pelas bordas do preto, fiquei esfumando para tirar a marcação

image

1. Utilizei a caneta delineadora da Avon
2. Para fazer um traço fino rente aos cílios superiores, para escurecer a raiz dos cílios

image

1. Passei o lápis preto de O Boticário na linha d’ água, em cima e em baixo

image

1. Máscara de cílios Avon “Super Shock”
2. Apliquei várias camadas nos cílios superiores e inferiores

image

 

1. Usei o duo solei da Vult
2. Com o mais escuro fiz contorno
3. E com mais claro fiz o iluminado

image

1. Usei o gloss maxxi brilho da Natura Faces
2. Apliquei por toda a boca dando leves batidinhas

Resultado final:
image

Espero que tenham gostado.
Beijos!

Anúncios

Wishlist Livros

Oi meninas. Hoje resolvi fazer uma Wishlist sobre alguns livros que eu estou desejando muito. Vamos conferir?

A-Lista-Negra

O+lado+mais+sombriocapa-extraordinario_frente CidadesDePapel  O_OCEANO_NO_FIM_DO_CAMINHO_1369426298P

1. A Lista Negra – Jennifer Brown

Abril. Um mês que, inevitavelmente, será sempre lembrado pelo horror de massacres ocorridos em escolas por jovens: 20 de abril de 1999, Columbine, Estados Unidos; 26 de abril de 2002 , Erfurt, Alemanha; 16 de abril de 2007, Virginia Tech, também nos EUA; e 7 de abril de 2011, Realengo, Brasil. Além desses, muitos outros já ocuparam os noticiários do mundo inteiro, chocando pela violência com que jovens assassinam seus próprios colegas. É com um noticiário como esse que o romance A lista negra abre suas páginas. Lançado agora no Brasil pela Editora Gutenberg, a obra Jennifer Brown é uma ficção que mergulha no mundo juvenil repleto por situações marcadas pelo bullying, preconceito e rejeição.

Essa é a história de Val e Nick. Eles são dois adolescentes que se conhecem no primeiro ano do ensino médio e se identificam de imediato. Val convive com pais ausentes, que brigam o tempo todo e só criticam suas roupas e atitudes. Nick tem uma mãe divorciada que vive em bares atrás de novos namorados. Os dois são alvo de bullying por parte de seus colegas do Colégio Garvin. Nick apanha dos atletas e Val sofre com os apelidos dados pelas meninas bonitas e populares. Ambos compartilham suas angústias num caderno com o nome de todos e tudo que odeiam, criando um oásis, um local de fuga, um momento de desabafo, pelo menos para Val. Já Nick não encara a lista e os comentários como uma simples piada. Há alguns meses, ele abriu fogo contra vários alunos na cantina da escola. Atingida ao tentar detê-lo, Valerie também acaba salvando a vida de uma co¬lega que a maltratava, mas é responsabilizada pela tragédia por causa da lista que ajudou a criar. A lista das pessoas e das coisas que ela e Nick odiavam. A lista que ele usou para escolher seus alvos

2. O Lado Mais Sombrio – A. G. Howard

Alyssa Gardner ouve os pensamentos das plantas e animais. Por enquanto ela consegue esconder as alucinações, mas já conhece o seu destino: terminará num sanatório como sua mãe. A insanidade faz parte da família desde que a sua tataravó, Alice Liddell, falava a Lewis Carroll sobre os seus estranhos sonhos, inspirando-o a escrever o clássico Alice no País das Maravilhas. Mas talvez ela não seja louca. E talvez as histórias de Carroll não sejam tão fantasiosas quanto possam parecer. Para quebrar a maldição da loucura na família, Alyssa precisa entrar na toca do coelho e consertar alguns erros cometidos no País das Maravilhas, um lugar repleto de seres estranhos com intenções não reveladas. Alyssa leva consigo o seu amigo da vida real – o superprotetor Jeb –, mas, assim que a jornada começa, ela se vê dividida entre a sensatez deste e a magia perigosa e encantadora de Morfeu, o seu guia no País das Maravilhas. Ninguém é o que parece no País das Maravilhas. Nem mesmo Alyssa.

3. Extraordinário – R. J. Palacio

August Pullman, o Auggie, nasceu com uma síndrome genética cuja sequela é uma severa deformidade facial, que lhe impôs diversas cirurgias e complicações médicas. Por isso, ele nunca havia frequentado uma escola de verdade… até agora. Todo mundo sabe que é difícil ser um aluno novo, mais ainda quando se tem um rosto tão diferente. Prestes a começar o quinto ano em um colégio particular de Nova York, Auggie tem uma missão nada fácil pela frente: convencer os colegas de que, apesar da aparência incomum, ele é um menino igual a todos os outros.

4. Cidades de Papel – John Green

Quentin Jacobsen tem uma paixão platônica pela magnífica vizinha e colega de escola Margo Roth Spiegelman. Até que em um cinco de maio que poderia ter sido outro dia qualquer, ela invade sua vida pela janela de seu quarto, com a cara pintada e vestida de ninja, convocando-o a fazer parte de um engenhoso plano de vingança. E ele, é claro, aceita. 
Assim que a noite de aventuras acaba e um novo dia se inicia, Q vai para a escola e então descobre que o paradeiro da sempre enigmática Margo é agora um mistério. No entanto, ele logo encontra pistas e começa a segui-las. Impelido em direção a um caminho tortuoso, quanto mais Q se aproxima de Margo, mais se distancia da imagem da garota que ele achava que conhecia.

5. O Oceano no Fim do Caminho – Neil Gaiman

Foi há quarenta anos, agora ele lembra muito bem. Quando os tempos ficaram difíceis e os pais decidiram que o quarto do alto da escada, que antes era dele, passaria a receber hóspedes. Ele só tinha sete anos. Um dos inquilinos foi o minerador de opala. O homem que certa noite roubou o carro da família e, ali dentro, parado num caminho deserto, cometeu suicídio. O homem cujo ato desesperado despertou forças que jamais deveriam ter sido perturbadas. Forças que não são deste mundo. Um horror primordial, sem controle, que foi libertado e passou a tomar os sonhos e a realidade das pessoas, inclusive os do menino. Ele sabia que os adultos não conseguiriam — e não deveriam — compreender os eventos que se desdobravam tão perto de casa. Sua família, ingenuamente envolvida e usada na batalha, estava em perigo, e somente o menino era capaz de perceber isso. A responsabilidade inescapável de defender seus entes queridos fez com que ele recorresse à única salvação possível: as três mulheres que moravam no fim do caminho. O lugar onde ele viu seu primeiro oceano.

Alguma de vocês já leu algum? Qual vocês recomendam? Deixe nos comentários.

Espero que tenham gostado.

Beijos !!

Produtos que estou usando no cabelo

IMG_1267

Oi meninas.

Hoje eu vou mostrar para vocês os produtos que tenho usado no meu cabelo, geralmente eu uso o shampoo e condicionador da mesma linha, mas como o meu shampoo acabou, usei esse de outra linha e adorei o resultado.
Mas antes vou contar o que eu fiz nele.
Eu sempre achei lindo meninas com californianas e queria fazer no meu cabelo, fiz e adorei. Passou um tempo eu resolvi ficar totalmente loira, e como vocês sabem, descolorir o cabelo deixa ele bem frágil.

Para cuidar do meu cabelo eu estou usando alguns produtos que tenho gostado bastante. Vamos ver quais são:

Shampoo Fortificante - Frescor vitaminado

Shampoo Fortificante – Frescor vitaminado

O que diz na embalagem: Leveza e frescor instantâneos. Cabelos fortes.

O que eu achei: Eu gostei desse shampoo. O cheiro dele é agradável, não é nada muito forte e enjoativo, sempre que passo ele no cabelo sinto um frescor muito bom e o cabelo um pouco mais leve.

Condicionador - Liso extremo

Condicionador – Liso extremo

O que diz na embalagem: Cabelos 99% mais lisos. Ajuda a proteger contra danos causados pelo uso da chapinha e secador. Ajuda a controlar o frizz.

O que eu achei: Eu realmente sinto os meus cabelos mais lisos e com menos frizz. Eu quase não uso chapinha e secador, mas quando uso sinto que dá uma protegida também.

Ampola - 3 minutos milagrosos

Ampola – 3 minutos milagrosos

O que diz na embalagem: 3 minutos milagrosos de tratamento

O que eu achei: Amei! Sou uma pessoa meio preguiçosa para fazer hidratação, mas como sou loira tento fazer pelo menos 1 vez por semana. Em uma das lavagens do meu cabelo, ao invés de usar o condicionador, eu uso a ampola e adoro. O cabelo fica bem hidratado e com um brilho lindo.

Shampoo Desamarelador

Shampoo Desamarelador

O que diz na embalagem: Luminosidade natural para cabelos Loiros, Grisalhos, Descoloridos ou Com Mechas.

O que eu achei: Ótimo shampoo desamarelador. Uso sempre que acho meus cabelos amarelos demais. Acho que realmente tira aquele amarelo feio do cabelo e deixa uma cor bem natural.

Máscara Hidratação Intensiva

Máscara Hidratação Intensiva

O que diz na embalagem: Colágeno vegetal. Condicionamento e revitalização dos fios ásperos ou secos.

O que eu achei: Máscara muito boa. Tem uma boa consistência e um cheiro muito gostoso. Geralmente uso quando quero uma hidratação mais forte que a ampola proporciona, assim como a ampola, uso uma vez por semana a máscara. Deixa meu cabelo bem hidratado, leve e muito brilhoso.

É isso que tenho usado no meu cabelo.
Deixe seu comentário, vou adorar lê-lo.

Espero que tenham gostado.
Beijos!!